CLIPPING


Img er

Tavares Joalheiros comemora 48 anos de existência

08 Dez. 2012

A Tavares Joalheiros, uma das mais conhecidas joalherias de Brasília, completou em novembro passado 48 anos de existência.

Foi em Patos de Minas, no ano de 1964, que o patense Wander Tavares iniciou as atividades na loja então situada na Rua Major Gote nº 695, naquele casarão antigo que ficava ao lado do Magnífico Hotel. Wander Tavares lembra sempre que teve, em patos, como  mestre o amigo José Bonfim.

Hoje, a Tavares Joalheiros tem sede na 302 sul, um dos pontos mais centralizados da Capital Federal. O local fica nas proximidades de pontos de referência de Brasília: a Igreja Dom Bosco e a avenida W3 sul; o setor bancário sul (onde ficam as sedes do Banco Central, do Banco do Brasil e da Caixa Econômica); o setor hospitalar sul (hospital de Base e o Sarah Kubitschek); e o setor comercial sul.

A empresa tem como objetivo a comercialização de colares, anéis, brincos, pulseiras, relógios, alianças e conjuntos. Nesse contexto, fabrica também peças únicas e especiais, conforme o desejo do cliente. São exemplos de encomendas, uma placa para reverenciar o Papa João Paulo II; e um relógio em homenagem ao centenário de Juscelino Kubitschek, cujo desenho é assinado por Oscar Niemeyer.

Para obter tal êxito, Wander Tavares, além de natural criatividade, formou-se em Gemologia pelo Gemological Institute of America, situado em Carlsbad, Califórnia, Estados Unidos.

Durante as festividades, na tarde do dia 27 de novembro, o casal Wander e Vânia Tavares recebeu os amigos para um inesquecível coquetel, na sede da Tavares joalheiros, na 302 sul, em Brasília.

Folha Patense de 08 de dezembro de 2012